Home » Notícias » Irmã Dulce: exumação revela hábito preservado e mumificação natural em Salvador

A primeira e última oportunidade para que os católicos vejam as relíquias de Irmã Dulce começa nesta terça-feira, às 20h, e termina na quarta, às 8h, na Igreja da Imaculada Conceição, em Salvador, na Bahia. A transferência dos restos mortais para a Capela das Relíquias é a etapa final antes do anúncio, esperado para o fim do ano, da proclamação da religiosa como bem-aventurada (beata) pelo Papa Bento XVI. Quem acompanhou no dia 27 de maio a exumação da freira baiana, que morreu em março de 1992, se surpreendeu ao ver que o hábito está preservado e o corpo mumificado naturalmente.

Na quarta-feira, às 10h, o arcebispo de Salvador, Dom Geraldo Majella Agnelo, celebrará uma missa solene. Após a cerimônia, a caixa com o corpo da religiosa será selada e transferida para a capela de Relíquias, dentro da própria Igreja da Imaculada Conceição - ritual que os fiéis poderão acompanhar por telões. O novo túmulo, lacrado, também será aberto para a visitação pública.

irmã dulce descansa seus restos mortais em salvador bahia

 

Enviado por Eliane Maria – 8.6.2010 | 8h00m

Sem comentários... Seja o primeiro a comentar!